POR ENG |O Guia |Contactos |Ligações |Pesquisa
 Zambézia
Localizada no Centro/ Norte do País tem como limites a Norte as Províncias de Nampula e Niassa, a Sul Sofala, a Oeste o Malawi e a Província de Tete, e a Leste o Oceano Índico.

Dispondo-se em anfiteatro voltado para o Índico, a vegetação vai mudando à medida que a altitude aumenta.

Assim, enquanto nas zonas planas, junto à costa, se encontram extensos palmares, nas zonas mais elevadas do Gurué predominam as rasteiras e verdejantes plantações de chá.

Entre elas, as culturas de algodão, os pomares e espécies exóticas, marcam a paisagem com as suas diferentes colorações.

Na plana orla costeira, junto ao rio dos Bons Sinais, assim designado por Vasco da Gama que encontrou aí a certeza de estar na rota certa para a Índia, ergue-se a bonita cidade de Quelimane, capital da Província e importante porto de cabotagem.

Um pouco mais a Sul, na embocadura do rio Zambeze, encontra-se Chinde, antigo polo da produção de açúcar e que já alguém considerou a vila mais antiga da Zambézia.

A Zambézia, sulcada por numerosos rios de vales verdejantes, é um habitat privilegiado para uma fauna diversificada que inclui grandes mamíferos e aves que se podem observar na reserva do Gilé, no distrito do mesmo nome, na reserva natural florestal de Derre, no Distrito de Morrumbala, onde se pode encontrar a palapala cinzenta, e na reserva de caça Madal Safaris no Distrito de Chinde com uma enorme variedade de aves.

As etnias mais importantes na Província são os Chuabos, os Lomwè e os Macuas.

> Alojamento > Alimentação > Compras
> Informações > Publicidade em Mapas > Saúde
> Serviços de Apoio > Serviços Pessoais > Transportes
Copyright © LTM 2017