Top
News from Gorongoda National Park – Travel Discover Mozambique
fade
5004
post-template-default,single,single-post,postid-5004,single-format-standard,mkd-core-1.2.1,mkdf-social-login-1.3,mkdf-tours-1.4.1,translatepress-pt_PT,voyage-ver-1.8.1,mkdf-smooth-scroll,mkdf-smooth-page-transitions,mkdf-ajax,mkdf-grid-1300,mkdf-blog-installed,mkdf-breadcrumbs-area-enabled,mkdf-header-standard,mkdf-no-behavior,mkdf-default-mobile-header,mkdf-sticky-up-mobile-header,mkdf-dropdown-default,mkdf-fullscreen-search,mkdf-fullscreen-search-with-bg-image,mkdf-search-fade,mkdf-side-menu-slide-with-content,mkdf-width-470,mkdf-medium-title-text,wpb-js-composer js-comp-ver-5.7,vc_responsive
Viagens Descubra Moçambique / Uncategorized  / Notícias do Parque Nacional de Gorongoda
9 Abr

Notícias do Parque Nacional de Gorongoda

Biólogos do Parque exploram a Serra de Chimanimani
O Dr. Piotr Naskrecki e uma equipa de investigadores e estudantes da Gorongosa regressaram recentemente da exploração do lado Moçambicano da Serra de Chimanimani.

O grupo realizou um primeiro levantamento zoológico da área e fez algumas descobertas novas e interessantes.

Além da incrível riqueza biológica de Chimanimani, a serra também abriga alguns dos elementos mais importantes da notável herança cultural de Moçambique, incluindo pinturas rupestres dos San de idade ainda desconhecida (mas provavelmente entre 2.000 e 10.000 anos).

As descobertas da equipa serão compartilhadas em edições futuras.

Os Leões e os Mabecos

Treze novos jovens machos viajaram pela área central do Parque da Gorongosa.

"É algo que nunca vi nos sete anos em que estudamos a população de leões", explica Paola Bouley, directora-adjunta de Conservação, que lidera o Projecto de Carnívoros.

A população de leões do parque é de 146, com várias fêmeas criando filhotes. Tonguinha, do Bando do Sungué, acabou de nos dar mais dois filhotes.

“Os leões são sentinelas", explica a Paola. "Quando as condições são más, eles são impactados primeiro, mas quando a vida corre bem, eles recuperam rapidamente. E é isso que estamos a observar".”

Nenhum dos novos machos foi apanhado em armadilhas durante as suas vidas. Antes de 2015, um terço dos leões do Parque eram capturados, mutilados ou mortos por actividades humanas.

"Os fiscais da Gorongosa deram a volta à situação", afirmou Paola. "Eles proporcionam aos leões a segurança necessária para eles prosperarem".

Os leões africanos em plena natureza caíram 70% nos últimos 50 anos e desapareceram de 80% da sua área histórica.

"O Parque Nacional da Gorongosa já foi o lar de centenas de leões. A nossa missão é torná-lo uma fortaleza de leões mais uma vez."

Mais Mabecos chegaram Novembro

Uma nova alcateia de Mabecos chegou ao Parque Nacional da Gorongosa em Novembro.

A população desta espécie ameaçada de extinção no Parque agora é de 52, contra zero há 18 meses.

Os alunos do Clube Ambiental da Escola Primária de Pungué baptizaram assim os novos nove machos e seis fêmeas: Save, Matenga, Mutiabamba, Nhambita, Munhanganha, Khanda, Bue-Maria, Duke, Pungue, Mbulaua, Deke, Nhamanguena, Nhamachato, Nhamapaza e Vunduzi.

"A Gorongosa agradece o apoio do 'Endangered WildlifeTrust' e dos 'The Bateleurs'," afirmou Paola Bouley. "Eles coordenaram o voo e a transferência em segurança desta bela segunda alcateia desde o Kalahari na África do Sul, até Moçambique."

admin_moz

Sem comentários

Deixe uma resposta: